Identificação mecânica e avaliação do comportamento sísmico de chaminés em alvenaria.Lopes, V. (2009). Tese de mestrado.

A presente dissertação estuda o comportamento sísmico de chaminés de alvenaria de tijolo. A partir da caracterização genérica deste tipo de estruturas que proliferaram em Portugal entre o final do século XIX e o início do século XX, é apresentado um caso de estudo relativo a uma chaminé situada nos arredores da cidade do Porto. Neste âmbito são apresentados os resultados da caracterização geométrica realizada através de tecnologia laser scanning. A caracterização material/mecânica da estrutura foi efectuada através da inspecção visual e da realização de ensaios dinâmicos de vibração ambiental, cujos resultados foram utilizados para calibrar dois modelos numéricos construídos no âmbito do trabalho. São focados os principais aspectos relacionados com realização do ensaio dinâmico, bem como com o tratamento dos dados, discutindo-se as diferentes estratégias de calibração adoptadas. Em particular, a consideração na modelação de diferentes zonas com características materiais distintas, de acordo com as observações feitas durante a inspecção visual, é analisada, comparando-se a resposta de cada modelo com a resposta experimental obtida.
A simulação do comportamento sísmico da chaminé é efectuada com base em diferentes estratégias: considerando ou não diferentes zonas materiais na chaminé e assumindo para o comportamento da alvenaria de tijolo uma lei linear elástica ou não linear plástica, quer em tracção, quer em compressão, utilizando um modelo de dano contínuo. São então apresentados e discutidos os pressupostos referidos na bibliografia em relação ao comportamento da alvenaria, e introduzidos estes dados na calibração numérica do modelo não linear. Os resultados obtidos com cada um dos modelos numéricos são comparados, avaliando-se a importância da consideração do estado de conservação do material e do comportamento não linear na resposta da estrutura. Por fim, é testada uma possível solução de reforço com vista à melhoria da resposta sísmica da chaminé.
Com este trabalho pretende-se definir modos de actuação e avaliação do estado e da resposta de estruturas antigas em alvenaria, nomeadamente através da realização de ensaios dinâmicos de vibração ambiental que permitam de forma não destrutiva caracterizar as propriedades mecânicas da alvenaria, e da utilização de modelos de comportamento material não linear, apoiados em modelos de dano, na análise do comportamento destas estruturas face às acções regulamentares.



Impresso em ncrep.pt